Fábio Feldmann sente falta de uma agenda sustentável e representação política - Ecoo

Fábio Feldmann sente falta de uma agenda sustentável e representação política

0 7

por Beatriz Mirelle, da Redação* – 

Esta matéria faz parte do PEPE (Programa Envolverde de Parcerias Estudantis) –

O ex-deputado comenta sobre possíveis consequências mediante o resultado da eleição presidencial norte-americana, com a vitória do democrata Joe Biden

O programa Diálogos Envolverde da última quinta-feira (05) promoveu a live “Eleições: exercício da cidadania” com o advogado e ambientalista Fábio Feldmann, ex-deputado federal entre 1987 e 1991 como constituinte pelo PMDB-SP e entre 1991 até 1995 pelo PSDB-SP. A importância de uma agenda nacional sustentável, a representação política e os impactos da eleição presidencial norte-americana, com a vitória do democrata Joe Biden, foram alguns dos assuntos abordados na entrevista com os jornalistas Dal Marcondes e Reinaldo Canto.

Feldmann também foi Secretário de Estado do Meio Ambiente, em São Paulo. Foto: Divulgação/Envolverde

De acordo com Feldman, na Constituição Federal de 1988 a preservação do meio ambiente foi tratada em um artigo próprio, não inclusa na parte dos direitos fundamentais. Assim, para o ambientalista, essa elaboração não foi suficiente para abordar todas as necessidades deste segmento. “Naquele momento a questão ambiental estava em outro patamar”, argumenta.

Hoje, ele afirma que o tema é discutido no âmbito de um direito humano. “Com a expansão urbana, por exemplo, temos que repensar quais são os instrumentos possíveis para que isso seja feito com critérios de sustentabilidade. Caso contrário, é um enorme ônus à cidadania e ao poder público”. Acompanhe outras análises feitas pelo especialista:

Leia mais: Jornalista Juca Kfouri fala sobre engajamento e manifestações políticas no esporte

Representação política

Feldmann afirma que o meio ambiente deveria ser uma das principais abordagens no Congresso Nacional. A falta de políticos para abordar este tema com a devida importância gera a escassez de uma discussão firme e constante. “O desmatamento da Amazônia, por exemplo, foi destaque nos jornais, assim como a situação no Pantanal. Por outro lado, sinto que, no ponto de vista de representação política no geral, estamos muito mal colocados”.

Para ele, isso é grave porque são os parlamentos que decidem no final. “A temática socioambiental e sustentável está ausente da agenda eleitoral.”

O especialista aponta que essa questão deve ser suprapartidária. “Defendo que o meio ambiente transcende a polarização de esquerda ou direita”. Ele reforça que é necessário eleger figuras que coloquem essa luta como algo principal. “Não é só o Governo Federal que está indo mal, muitos estados estão deixando a desejar e ninguém fala. Temos que recolocar isso.”

Ouça: Podcast Momento Envolverde

Eleição norte-americana

O democrata Joe Biden foi eleito, no último domingo (08), o novo presidente dos Estados Unidos. A disputa acirrada foi contra o republicano Donald Trump. Para Feldmann, tal resultado será o sinal de uma futura mudança radical e, consequentemente, terá um efeito dominó. “O Biden tem uma proposta clara em relação às mudanças climáticas que, aliás, não é considerada avançada porque ele não adotou o Green New Deal (plano com conjuntos estratégicos criado pelo Partido Democrata em 2018 para amenizar a desigualdade econômica e mudanças climáticas), mas sim uma posição intermediária”.

Dessa forma, Feldmann acredita que a nova atuação afetará inclusive as eleições no Brasil. “Acho que a vitória do Biden terá um grande reflexo aqui e no mundo. Até porque em um dos debates ele chegou a mencionar a Amazônia”.

O ambientalista também relembra a subestimação brasileira sob a candidatura de Bolsonaro e afirma que, até 2022, é necessário motivar o eleitor a pensar na sustentabilidade. Caso isso não seja considerado uma prioridade para o cidadão, passará despercebido no debate eleitoral. “Precisamos saber como podemos chegar no cidadão, onde estamos errando, qual agenda sustentável essa pessoa considera relevante e porquê não estamos mostrando o mérito em nossos temas”.

Assista: Reportagem – Fábio Feldmann

Diálogos Envolverde

A live na íntegra está disponível no YouTube e Facebook da Agência Envolverde. Toda quinta-feira, às 11h, nesses canais, é transmitido o programa Diálogos Envolverde, com especialistas da área socioambiental.

*Conteúdo multimidiático produzido por estudantes de Jornalismo Presencial da Universidade Metodista de São Paulo, sob a supervisão dos professores Alexandra Gonsalez, Eloiza de Oliveira Frederico, Filomena Salemme e Wesley Elago.

Assista a Live completa abaixo

#Envolverde



Fonte

Deixar uma resposta