Crianças desenvolvem 'síndrome do lobisomem' após troca de remédios - Ecoo

Crianças desenvolvem ‘síndrome do lobisomem’ após troca de remédios

0 9

Pelo menos 17 crianças e bebês da Espanha tiveram um crescimento anormal de pelos depois de receberem medicação incorreta. A anomalia lembra a hipertricose, popularmente conhecida como “síndrome de lobisomem”.

De acordo com o jornal El País, os casos foram relatados nas regiões de Cantábria, Andaluzia e Valência.

criança com pelos nas costas e no rosto

Crédito: reprodução/YouTube/El MundoCrescimento anormal de pelos nas crianças foi causado após confusão de farmacêutica

O que causou a síndrome?

Após várias crianças aparecerem com o problema, a agência reguladora de medicamentos espanhola, a Aemps, começou uma investigação, que determinou o que havia ocorrido. A confusão foi causada por uma farmacêutica que trocou o rótulo de remédios e comercializou medicamento para problemas estomacais, que incluíam a fórmula de uma droga vasodilatadora para queda de cabelo, a minoxidil.

De acordo com a Aemps, o remédio foi distribuído na região de Málaga, na Espanha. O centro de distribuição da empresa farmacêutica permanece fechado enquanto a investigação continua.

Os dermatologistas consultados informaram aos pais das crianças que a situação é reversível e os pelos começarão nos próximos meses, após a suspensão do tratamento.

pai e filha ao lado. A criança tem muito pelo nas costas

Crédito: reprodução/YouTubeCondição é conhecida como “síndrome do lobisomem”

“Síndrome de lobisomem”

A hipertricose, também conhecida como ‘síndrome do lobisomem’, é uma doença rara que envolve a presença de pelos excessivos e anormais para a idade e que aparecem em locais do corpo onde não deveriam estar presente.

Existem vários tipos de hipertricose e alguns podem estar associados a doenças de ordem genética ou adquiridas. A doença também pode ocorrer após a ingestão de alguns medicamentos, como aconteceu nesse caso da Espanha.

Os corticosteroides, por exemplo, podem causar isso. Além de alguns ingredientes ativos para tratar a hipertensão, como o minoxidil, também usado contra a perda de cabelo.

A ‘síndrome do lobisomem’ genética é um tipo de hipertricose muito rara, tendo apenas 50 casos registrados em todo o mundo.



Fonte

Deixar uma resposta